(1)

Quando compreendemos errado quem Deus é, nos relacionamos com Ele de uma maneira errônea. A Bíblia ensina que existem outros deuses, em Êxodo 20:3 diz: "Não terás outros deuses diante de mim", se formos na Índia, por exemplo, veremos milhares de outros deuses e cada um com um nome diferente. No Brasil, o cristianismo se misturou por conta das muitas religiões, a população passou a ser cheia de misticismo e crenças, como: sexta feira 13, gato preto. Tomemos cuidado para que essa atmosfera não contamine nossos corações. Que atitudes nos levam a conhecer mais o verdadeiro Deus?

(2)

Isaías 35:5 (abrir e ler). De acordo com a Bíblia, o lugar que passaremos a eternidade com o Deus verdadeiro não haverá doença, Ele não põe enfermidade em nós. Jesus foi ferido para que fôssemos sarados, assim, Deus quer a nossa cura. Entretanto, precisamos cuidar da nossa saúde, pois muitas doenças são resultado de uma má alimentação e falta de prática de exercícios físicos. Da mesma forma em relação a morte, a Bíblia fala que ela é inimiga de Deus, Ele não trouxe a morte para nós e sim o pecado, visto que o salário do pecado é a morte, como diz em Romanos e muitas pessoas também morrem por consequência do erro de outras pessoas. Na sua opinião, de que forma podemos discernir melhor o agir de Deus?

(3)

Deus é imutável. Aquilo que Deus é na Sua essência não muda, Ele é imutável, faz parte do Seu caráter. Mesmo se mudarmos ou pecarmos, Ele não muda. 2 Timóteo 2:11-13 (abrir e ler). Mesmo diante da minha infidelidade, Deus permanece fiel. Ele é sempre o mesmo. Em Tiago 1:17 diz: "Toda boa dádiva e todo dom perfeito são lá do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não pode existir variação ou sombra de mudança". Deus é bom em todo tempo. Nunca conseguiremos mudar a bondade de Deus. Ele é amor. Como você se sente servindo a um Deus que é amor, bondoso e fiel em todo tempo?

(4)

Quando Deus tirou o povo de Israel do Egito, eles fizeram muitas coisas que desagradaram a Ele, com isso, Deus falou à Moisés que iria destruir este povo. Moisés orou ao Senhor e pediu que isso não fosse feito. Em Êxodo 32:14 diz: "Então, se arrependeu o SENHOR do mal que dissera havia de fazer ao povo". Por que Deus se arrependeu e não destruiu o povo? Porque Ele é amor, bondoso e cheio de misericórdia e isso nunca vai mudar. Na sua opinião, o que podemos fazer para que as pessoas a nossa volta conheçam esse Deus cheio de misericórdia?

(5)

Quando Deus mandou Jonas ir pregar em Nínive para que o povo se arrependesse, fica claro que Jonas não queria ir, pois Nínive era uma cidade contra Deus e que matava Seus profetas. Porém, Jonas acabou indo e o povo se humilhou diante de Deus e se arrependeu. Essa atitude tem muito valor para o Senhor. Em Jonas 3:10 diz: "E Deus viu as obras deles, como se converteram do seu mau caminho; e Deus se arrependeu do mal que tinha anunciado lhes faria, e não o fez". Se pecarmos, que atitudes você acha que nos farão alcançar o perdão de Deus? Jonas 4:2 (abrir e ler). Em outras palavras, a essência de Deus, Seu amor e Seu caráter não mudam. No entanto, nós mudamos constantemente. Um dia queremos orar e adorar, no outro queremos pecar. Algumas vezes até deixamos o pecado nos afastar de Deus, mas a Sua palavra continua a mesma "aquele que confessa e deixa alcança misericórdia". Deus sempre vai nos amar.

(6)

Deus é soberano. Não podemos julgar Deus, Ele é soberano sobre a terra, sobre o céu, é absoluto. Romanos 9:20-21 (abrir e ler). Somos o barro nas mãos do Senhor, ou seja, não estamos na posição de falar o que Deus deve ou não fazer. Isaías 29:16 (Abrir e ler). Temos a vida por que Ele nos deu de graça. Não somos nós quem o aceitamos, mas Ele pela sua misericórdia é quem nos aceita. Por que você acha que é importante reconhecermos a soberania de Deus?

(Conclusão)

Quem é o seu Deus? O Deus da Bíblia, Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, imutável, cheio de amor, misericórdia e soberano sobre todas as coisas. Devemos reconhecer que somente por causa do sacrifício de Jesus, nossos pecados foram apagados e que podemos nos achegar a Ele. Precisamos nos humilhar diante da presença de Deus, reconhecendo que não somos nada sem Ele e desejar ardentemente passar a vida eterna com o Pai.

(Palavra da Oferta)

Um dos valores essenciais do Ministério Casa do Pai é uma generosidade extravagante. É assim que nós somos! Parte da nossa visão é alcançar a todos com o poder do evangelho. Para isso, estamos investindo centenas de milhares de reais ao redor do mundo para alcançar a todos com o poder do evangelho. Alguns destes lugares são: África (Moçambique), Índia e sertão. Na Índia a verdade tem alcançado aos cegos espiritualmente, um país tão perseguido e necessitado de Jesus, na África sustentamos crianças de um orfanato, que são cuidadas e educadas segundo a verdade do Pai, no sertão o evangelho tem chegado a lugares de grande escassez e miséria. Ofertando ao Senhor na célula, você deixa o Ministério Casa do Pai livre para manter a Igreja de Jesus, ajudando o Reino de Deus a crescer, somos chamados para reinar junto com Ele.